Cheesecake no Copo | Cheesecake in a Jar

cheesecake in a jar_1Depois das mini-férias, passar uma semana de cama doente, fez com que atrasa-se a publicação das receitas. Esta estava guardada há umas semanas e por pouco ficava esquecida. E isso não podia mesmo acontecer! Gosto tanto desta simples e deliciosa receita que era uma pena ficar entre outras que acabei por guardar no “baú”.

Sabes quando te apetece algo doce, mas não queres passar muito tempo na cozinha? Este cheesecake no copo é perfeito por isso. Para além do sabor, o que mais gosto são as diferentes texturas. Em cada colher descobres uma diferente que se unem na perfeição. Adoro mesmo!

After these mini vacations and spending a week in bed sick has made me delay the publications of these recipes. This one has been saved for a couple of weeks now and I almost forgot about it. And I couldn’t let that happen! I love this simple and delicious recipe that it would be a shame to be amongst the others that I ended up saving in my “chest”.

You know when you feel like having something sweet, but you don’t want to spend too much time in the kitchen? This cheesecake in a jar is perfect for that. Aside from the taste, what I love about this is the different types of textures. In each spoonful, you discover a new different texture that blend perfectly together. I love it so much!

cheesecake in a jar_3

cheesecake in a jar_8

cheesecake in a jar_2

cheesecake in a jar_5

cheesecake in a jar_4

cheesecake in a jar_6

cheesecake in a jar_7

CHEESECAKE NO COPO

(serve 4)

Para o molho de frutos silvestres:

  • 100g de mirtilos Drupus by Wildbessy
  • 75g de framboesas Drupus by Wildbessy
  • 2 c. sopa de açúcar
  • 2 c. sopa de água
  • 1 c. sobremesa de raspa de limão

Para o cheesecake:

  • 8 bolachas digestivas
  • 30g de manteiga, derretida
  • 250g de mascarpone
  • 200ml de natas frescas
  • 2- 3 c. sopa de açúcar em pó
  • mirtilos Drupus by Wildbessy , q.b.
  • framboesas Drupus by Wildbessy , q.b.
  1. Começa primeiro pelo molho, misturando todos os ingredientes num tacho pequeno. Deixa macerar por 10min. Leva ao lume médio até começar a ferver, reduz o lume e deixa fervilhar por 5min.
  2. Tritura a mistura, com a ajuda da varinha mágica e passa-a para um copo, através de um passador e deixa arrefecer por completo. (Podes levar ao frio para acelerar o processo)
  3. No processador tritura bem as bolachas e acrescenta a manteiga. Pulsiona umas quantas vezes até ficar uma espécie de areia molhada e com alguns pedaços maiores. Reserva.
  4. Bate as natas com o mascarpone e o açúcar em pó até ficar com a consistência do chantilly.
  5. Monta o cheesecake em camadas. Adiciona um pouco da bolacha, seguido do creme de mascarpone, o molho e alguns frutos. Repete o processo só mais uma vez.
  6. Faz o mesmo para os restantes copos. Leva ao frio por 10-15min para refrescar um pouco.

Espero que gostes!

CHEESECAKE IN A JAR

(makes 4)

Berry sauce:

  • 100g  blueberries Drupus by Wildbessy
  • 75g raspberries Drupus by Wildbessy
  • 2 tbsp sugar
  • 2 tbsp water
  • 1 tsp lemon zest

cheesecake:

  • 8 cookies
  • 30g butter, melted
  • 250g  mascarpone cheese
  • 200ml heavy cream
  • 2- 3 c. tbsp icing sugar
  • blueberries Drupus by Wildbessy , to taste
  • raspberries Drupus by Wildbessy , to taste
  1. Start with the berry sauce by mixing all the ingredients in a small sauce pan. Let it set for 10min to release the natural juices. Take it to medium heat and as soon as it starts to boil, reduce heat and let simmer for 5min. 
  2. Blend the mixture and strain to release the seeds. Let it cool completely. (Take it to the fridge to cool faster)
  3. In a food processor blend the cookies and add the melted butter. Pulse a few times to simulate a wet sand kind of texture. Set aside.
  4. Beat the mascarpone together with the cream and icing sugar until firm peaks.
  5. Assemble the cheesecake in layers, starting with the cookies, next add the mascarpone cream, the sauce and the fresh berries. Repeat the process one more time. 
  6. Make the same for the remaining glasses. Take it to the fridge to cool, 10-15min.

Enjoy!

 

Gelados de Mirtilo | Blueberry Popsicles

blueberrypopsicles_2Com o calor que está lá fora, aquilo que sabe bem é um geladinho que nos refresque. Então quando se trata de um gelado sem açúcar, saudável, delicioso e  só com ingredientes frescos é ainda melhor!

Cá em casa tentamos sempre dar à nossa filha os melhores ingredientes, sempre frescos e que sejam bons para ela. Ela adora fruta, por isso aproveito sempre para lhe dar a conhecer novos frutos. No inicio estranha sempre, mas acaba sempre por os devorar. Foi o que fez quando provou pela primeira vez mirtilos. Primeiro surgiu “aquela” careta e depois comeu uns a seguir aos outros. Gosta tanto de mirtilos que foi difícil mantê-la afastada da mesa onde tirava as fotos. A ela e à minha melhor assistente, a minha cadela Ema. A Sofia tirava um, deixava cair outro e a Ema aproveitava para os apanhar.

Oh, não é nada fácil fotografar gelados, em segundos começam a derreter e com duas pestinhas (lindas ^_^ ) a interromper, as fotos acabaram por não ficar como queria. Mesmo assim e porque o que interessa é o sabor, nós ficamos fãs destes gelados e sei que também vais ficar.

blueberrypopsicles_9

blueberrypopsicles_1

blueberrypopsicles_6

blueberrypopsicles_7

blueberrypopsicles_3

blueberrypopsicles_8

blueberrypopsicles_5

blueberrypopsicles_4

GELADOS DE MIRTILO – Sem açúcar (serve 12)

(receita adaptada de Hungry Girl por vida)

  • 340g de mirtilos Drupus by Wildbessy 
  • 160ml de mel
  • 375ml de iogurte natural (pode ser tipo Grego)
  • 2 limas, sumo e raspa (podes substituir por limão)
  1. Numa panela pequena leva ao lume médio-alto, 80ml de mel e os mirtilos. Deixa ferver. Reduz o lume e deixa fervilhar por cerca de 5min ou até que os mirtilos começarem a libertar o seu sumo e fiquem macios, mas sem se desfazer por completo.
  2. Acrescenta o sumo e raspa de 1 lima. Remove do lume e deixa arrefecer.
  3. Numa taça à parte mistura o iogurte, o restante mel e o sumo e raspa da outra lima.
  4. Prepara os moldes de gelado e verte um pouco da mistura dos mirtilos e de seguida verte a mistura do iogurte. Nesta fase não existe ordem especifica. Coloca a quantidade de mirtilo e de iogurte que preferires, até encheres todos os moldes.
  5. Leva os moldes ao congelador. Passados 30min coloca os pauzinhos de gelado. Deixa congelar por 4horas ou de preferencia durante a noite.

Espero que gostes!

BLUEBERRY POPSICLES – Sugar free (makes 12)

(adapted from Hungry Girl por vida)

  • 340g blueberries Drupus by Wildbessy 
  • 160ml honey
  • 375ml natural yogurt (can be Greek yogurt)
  • 2 limes, juice and zest (or lemon)
  1. In a saucepan combine 80ml honey with the blueberries. Heat over high and bring to a boil. Turn down to a simmer and cook 5min, or until the berries release their juices and become soft. 
  2. Stir in the zest and juice of one of the limes. Remove from the heat and set aside to cool.
  3. In a bowl whisk the yogurt, the remain honey and the zest and juice of the other lime. But do not all burst and become mushy
  4. Pour some of the blueberry mixture in the popsicles molds, following by the yogurt mix. At this stage there is no specific order. Pour the amount of blueberries and yogurt that you like, until filled all the molds.
  5. Freeze the popsicles. After 30min insert the sticks. Freeze for 4h or overnight.

Enjoy!

Tarteletes com Frutos Vermelhos e Microvegetais | Red Berries & Microgreens Tartlets

tartlets w berries_7bOntem foi mais um dia em que falhei uma publicação, mas também foi dia de passeio, de almoçar num dos meus restaurantes favoritos, aproveitar para estar com amigos e curtir um pouco de Lisboa. Vivo tão perto dessa cidade linda, mas nunca a visito como gostava. Passeamos pelo Jardim Botânico e ainda deu para visitar algumas lojas que estavam abertas. Sabem bem estes dias. Apesar de gostar de estar em casa, prefiro passear, ver coisas coisas novas ou até mesmo rever o que já estava esquecido.

É por gostar tanto de passear que não hesitei em aceitar o convite dos meus pais de ir com eles mais a minha filhota, passar uns dias fora. Aproveitar a praia, pois sei que a minha Didi adora. No entanto vai ser um desafio. Sendo vegetariana e os meus pais não, nem sempre é fácil conjugar os dois tipos de alimentação. Eles acham que só se  fica satisfeito com proteína animal. Eu discordo e sei que existem muitas maneiras de substituir a carne ou o peixe. Pelo menos e o que é mais aceitável para eles são as saladas. E algo que adoro de colocar nelas são ervas aromáticas ou até mesmo estes microvegetais. Mas tratando-se este de um blog de doces, tinha que te sugerir uma opção doce certo? Pode parecer estranho, mas todos estes ingredientes combinam na perfeição e o melhor é que é uma receita sem açúcar e sem glúten.

Bem, estou de malas à porta e vou aproveitar para estar uns dias fora, poucos, mas sei que me vão saber bem. Entretanto levo comigo esta caixinha linda de microvegetais da Life in a Bag e quem sabe ainda consigo converter os meus pais a uma nova alimentação! ^_^

Yesterday was another day where I failed to post, but it was also a going out kinda day, of having lunch in one of my favorite restaurants, taking the opportunity to be with my friends and enjoying Lisbon. I live so close to this beautiful city, but I never visit it as much as I’d like to. We walked around the Botanical Garden and we even went to some stores that were still open. These days feel great. Although I like staying home, I prefer to walk around, see new things or just revisit places that were once forgotten.

It’s because I like walking so much that I didn’t hesitate on accepting my parents invite of going with them along with my daughter to spend some days off town. Enjoying the beach because I know my Didi loves it, although it’s going to be a challenge. Being vegetarian while my parents aren’t is not always easy to conjugate these two types of diets. They think you’re only satisfied with animal protein. I disagree and I know there are many other ways to replace meat or fish. At least salads are still acceptable to them. And I love adding herbs to them, or even microgreens. But seeing as this is a sweets blog, I had to suggest a sweet option for you, right? It might seem strange, but these ingredients mix perfectly with each other and the best part is that this recipe is sugar free and gluten free.

Well, I already have my bags packed by the door and I’ll take this opportunity to spend some days off, not too many, but I know they’re going to be awesome. Meanwhile, I’ll bring with me this beautiful box by Life in a Bag with some microgreens, and who knows, I might just convert my parents to a new diet! ^_^

tartlets w berries_2

tartlets w berries_16

tartlets w berries_3 copy

tartlets w berries_7

tartlets w berries_9

tartlets w berries_8

tartlets w berries_11

tartlets w berries_13

tartlets w berries_15

TARTELETES COM FRUTOS VERMELHOS E MICROVEGETAIS (sem açúcar e sem glúten) 

(serve 4)

Crosta:

  • 1/4 caneca de chocolate magro em pó Pantagruel
  • 1/2 caneca de amendoa moída
  • 1 caneca de farinha de aveia
  • 1/4 caneca de sementes de abóbora (opcional ou podes usar outro tipo de semente)
  • 1 c. sobremesa de extracto de baunilha
  • 6 c. sopa (85g) de manteiga , derretida
  • pitada de sal
  • 60ml de mel

Recheio:

  1. Começa por preparar a farinha de aveia, triturando a aveia num processador de alimentos, de seguida junta as sementes de girassol e pulsiona umas quantas vezes.
  2. Adiciona o resto dos ingredientes e tritura tudo por 1 min, até se formar uma pasta.
  3. Divide a massa por 4 bases de tartes pequenas. Usa os dedos ou uma colher para espalhar a massa. Caso esteja um pouco mole e a desfazer, leva ao frio por 5-10min, coberta com película aderente, para que seja mais fácil espalhar sobre as bases.
  4. Leva ao forno pré-aquecido, a 175ºC, por 20-25 min ou até ficar firme. Retira do forno e deixa arrefecer até temperatura ambiente.
  5. Entretanto bate o queijo mascarpone com as natas e o mel, até formar um creme macio. Leva ao frio para refrescar.
  6. Com cuidado desenforma as tarteletes e leva também ao frio, por 10-15min para refrescar.
  7. Antes de servir, cobre as tarteletes com o creme de mascarpone e adiciona-lhe morangos cortados e algumas framboesas. Rega-as com um fio fino de mel e decora-as com os microvegetais frescos e cortados na hora.

Dicas: Com a massa crua e coberta com película aderente, podes congelar até 15 dias a 1 mês. Deixa descongelar e leva ao forno.

Espero que gostes!

RED BERRIES & MICROGREENS TARTLETS (sugar and gluten free)

(makes 4)

Crust:

  • 1/4 cup Pantagruel‘s cocoa powder 
  • 1/2 cup almond flour
  • 1 cup oat flour
  • 1/4 cup pumpkin seeds (optional or use other type of seeds)
  • 1 tsp vanilla extract
  • 6 tbsp (85g) butter, melted
  • pinch of salt
  • 60ml honey

Filing:

  • 250g mascarpone cheese
  • 200ml heavy cream
  • 2-3 tbsp honey
  • strawberries, to taste
  • Drupus by Wildbessy raspberries, to taste
  • Life in a Bag‘s micogreens, to taste 
  1. In the bowl of a food processor, reduce the oats in to a flour. Add the pumpkin seeds and pulse a few times. 
  2. Add the remain ingredientes and process until the mixture forms large, moist clumps.
  3. Divide the batter over the 4 small tartlets bases. Use your fingers or back of the spoon to press the dough. If the dough is soft or sticky, chill it for 5-10 minutes until it will behave, cover first with film.
  4. Place on  baking sheet and bake until dry, for about 20-25 minutes, on a pre-heat oven to 175ºC. Let cool to room temperature. 
  5. Meanwhile make the filling. Beat the cheese with the cream and honey until smooth. Place on the fridge to cool. 
  6. Carefully remove the tartlets from the bases and take it to the fridge to cool, about 10-15min.
  7. Before serving, cover the tartlets with the cream and garnish with the sliced strawberries, raspberries, a drizzle of honey and  the fresh microgreens.

Tip: Cover the dough with film and freeze for up 15 days to 1 month. Let leads to thaw and bake it. 

Enjoy!

Panquecas de Baunilha | Vanilla Pancakes

vanilla pancakes_8Era suposto ter publicado esta receita ontem… mas a preguiça de Domingo instalou-se em mim de uma maneira que tudo o que tinha planeado para esse dia ficou por fazer. Em vez disso nós os 5 (a minha filha, marido e os meus 2 filhos de 4 patas) da cama passámos para o sofá e vice-versa, o dia inteiro. Por vezes esses dias sabem bem, mas não deixo de me sentir ao final do dia insatisfeita. Acho que estes dias de sol, são para aproveitar. Só tenho pena de viver com um preguiçoso assumido, que só gosta de estar em casa e depois pega-me a “preguicíte” … e foi bem aguda, acredita!!!!

Vês os girassóis da foto? Enquanto estava a preparar o jantar, toda desgadelhada e com um t-shirt larga de andar por casa, o meu marido chega e coloca as flores à minha frente. Já não o fazia há tanto tempo que soltei um desabafo em voz alta: “Pra que é isto?!” quando antes devia de ter dito – “Oh amor obrigada, são lindas, adoro!” . O meu marido triste virou costas. Tadinho, por vezes consigo ser um pouco mázinha e insensível! Mas prometo que foi sem querer! E por saber disso, não levou a mal. Ele conhece-me melhor que ninguém.

Tenho muita sorte de ter ao meu lado o meu melhor amigo. Apesar de não o dizer todos os dias, ele sabe que é tudo para mim. E mesmo que não tenha dito logo, obrigada pelas flores, ele sabe que o amo e que aquele gesto foi muito importante para mim.

I was suppose to publish this recipe yesterday… but the Sunday lazyness went over me in a way that everything I had planned for that day didn’t get done. Instead, us 5 (my daughter, my husband and my two four-legged children spent the day going from bed to the sofa. Sometimes these days feel good, but I can’t help feeling unsatisfied by the end of the day. I feel like these sunny days should be taken advantage. I’m only a bit saddened by the fact that I have to life with a self admitted lazy person, that only likes staying home and make me catch his “lazyness”… which was very severe, believe me!!!

You see the sunflowers in the photos? While I was preparing dinner, with my hair all messed up wearing a baggy t-shirt going around the house, my husband comes home and puts those flowers in from of me. He hasn’t done that in a really long time so I just said out loud “What’s this for?!” instead of saying –“Oh baby thank you so much, they’re beautiful, I love them!!” My husband became really sad and just turned his back. I felt so bad for him, I can be really mean and insensitive sometimes!! But I promise I didn’t mean it! And because he knew that, he didn’t get as upset. He knows me better than anyone.

I’m very lucky to have my best friend by my side. Although I don’t say it everyday, he knows that he’s everything to me. And even if I didn’t say it right away at that time “thank you for the flowers”, he knows how much I love them and how much that gesture was importante to me.

vanilla pancakes_1

vanilla pancakes_3

vanilla pancakes_10

vanilla pancakes_5

vanilla pancakes_6

vanilla pancakes_9

vanilla pancakes_11PANQUECAS DE BAUNILHA (sem açúcar)

(dá para 10-12 panquecas)

  • 125ml de iogurte natural Grego
  • 1 c. sopa de extracto de baunilha
  • 195g de farinha
  • 1 1/2 c. sobremesa de fermento em pó
  • 1/2 c. sobremesa de sal
  • 1 ovo, tamanho L
  • 180ml de leite
  1. Numa taça grande, peneira a farinha com o fermento e o sal. Reserva.
  2. Bate ligeiramente o ovo e adiciona o leite, iogurte e a baunilha. Mexe bem.
  3. Faz um pequeno buraco no centro da farinha e com uma vara de arames vai envolvendo a mistura liquida. Em movimentos circulares e lentos envolve até ficar uma mistura homogénea. Sem mexer demasiado.
  4. Aquece uma base antiaderente e caso seja necessário adiciona-lhe algum tipo de gordura, como uma noz de manteiga ou um pouco de óleo em spray. Quando a base estiver quente adiciona ¼ de caneca (cerca de 60g) da massa e alisa um pouco para formar um disco. Deixa cozinhar por 2-3min ou até veres que os rebordos começam a ficar dourados. Vira a panqueca e deixa cozinhar por mais 1min.
  5. Antes de adicionares mais massa, limpa a base com papel de cozinha e volta a untar com a gordura. Repete o mesmo processo até terminar a massa.
  6. Caso tenhas que aquecer as panquecas, leva ao forno a 100ºC por 5min.
  7. Serve com o molho de chocolate, framboesa frescas e raspas de chocolate.

Para o molho de chocolate:

  • 75g de chocolate sem adição de açúcares Pantagruel
  • 125ml de natas

Leva os dois ingredientes ao lume médio, sem parar de mexer até o chocolate derreter. Verte para um copo limpo.

Para servir:

Espero que gostes!

VANILLA PANCAKES (without sugar)

(makes 10-12 pancakes)

  • 125ml natural Greek yogurt
  • 1 tbsp vanilla extract
  • 195g flour
  • 1 1/2 tsp baking powder
  • 1/2 tsp salt
  • 1 large egg
  • 180ml milk
  1. In a large bowl sift flour, baking powder and salt. Set aside.
  2. Beat the egg and add it to the milk, yogurt and vanilla. 
  3. Form a hole in the center and pour in the liquid mixture, involve everything with a metal whisk until it becomes a homogeneous dough. Do not overmix.
  4. Heat up a nonstick base and if necessary add some kind of grease, like a knob of butter or a little bit of spay oil. When the base is hot enough, add ¼ of the dough (about 60g) on a cup and smooth it out a little until it forms a disk. Let it cook for 2-3min ou until the edges start getting golden. Turn the pancake and let it cook for another 1min.
  5. Before adding more dough, clean the base with kitchen paper and spread some grease again. Repeat the same process until there is no more dough left.
  6. In case you have to heat up the pancakes, put them in the oven at 100ºC for 5min.
  7. Serve with the chocolate sauce, raspberries and chocolate shavings.

Chocolate sauce: 

  • 75g chocolate (without sugar) Pantagruel
  • 125ml heavy cream

In a sauce pan take the two ingredients to medium heat, stirring constantly until chocolate melts. Pour into a clean glass.

Garnish: 

Enjoy!

Bolo de Framboesa e Tomilho | Raspberry Thyme Cake

raspberry thyme cake_3Sabes quando vês algo que criaste e sentes aquele pequenino arrepio por gostares do que estás a ver e por breves segundos parece feito por outra pessoa? É uma mistura de admiração e orgulho. Foi isso que senti quando ao percorrer o meu Instagram passei pela foto deste bolo e primeiro pensei, “Oh que giro!” e depois “Espera este fui eu que fiz!”. Não se trata de ter ficado convencida com o resultado final, nada disso, mas sim sentir orgulho no que fiz. Coisa rara, pois critico-me imenso e acho sempre que podia ter feito melhor. Sou insatisfeita por natureza. (é mal de família!!!)

Fiquei tão feliz por ter feito este bolo, inspirado na receita da Tessa Huff para o The Cake blog. Há muito que queria fazer um bolo com ricotta e achei este perfeito. Super fresco, pois o limão ajuda a isso e bastante leve. As framboesas dão-lhe ali aquele ligeiro toque ácido, que tanto adoro, pois ajudam a cortar um pouco o doce. E a calda de tomilho? Maravilhosa!

Fiquei apaixonada por este bolo, só tenho pena de não o ter feito maior, pois desapareceu muito depressa!

You know when you look at something that you’ve made and you feel that little happy shiver and for a few seconds it looks like it was made by another person? It’s a mix of admiration and pride. That’s how I felt when I was scrolling through Instagram and I scrolled through my photo of this cake and I though “Oh, so cute!” and then I thought “Wait a minute, this is the cake I made!”. It’s not about feeling conceited about the final result, not at all, it’s about pride of something I made. Which is rare, because I usually critic myself a lot and I always think I could’ve done better. I’m unsatisfied by nature. (it’s a family thing!!!)

I was so happy with this cake, inspired by Tessa Huff’s recipe for The Cake Blog. I’ve been wanting to bake a cake with ricotta for quite some time now, and I thought this one was perfect. Super fresh, because of the lemon and it’s very light. The rapsberries give it a slight acid touch, which I love, because it helps cut the sweetness a little. And the thyme cyrup? Amazing!

I was in love with this cake, I’m only a bit disappointed I didn’t make it bigger, because it was gone so quickly!

raspberry thyme cake_5

raspberry thyme cake_2

raspberry thyme cake_4

raspberry thyme cake_7

raspberry thyme cake_8

BOLO DE FRAMBOESA E TOMILHO

(receita inspirada no The Cake Blog)

Bolo de Limão e Ricotta:

  • 170g  manteiga, amolecida
  • 300g açúcar
  • 3 ovos
  • 1 c. sopa de raspa de limão
  • 1 tc. sobremesa de extracto de baunilha
  • 165g de queijo ricotta
  • 125ml buttermilk
  • 300g farinha
  • 2 c. sobremesa de fermento em pó
  • 1/2 c. sobremesa de bicarbonato de sódio
  • 1/2 c. sobremesa de sal
  1. Pré-aquece o forno a 175ºC. Unta com manteiga e polvilha com um pouco de farinha duas formas de 14cm. 
  2. Numa taça média peneira a farinha com o fermento, bicarbonato e o sal. Reserva. 
  3. Na taça da batedeira, bate a manteiga até ficar macia. 
  4. Acrescenta o açúcar e a raspa de limão. Bate por 3 a 5min. 
  5. Adiciona os ovos, um a um e de seguida a baunilha.
  6. Sempre que necessário, limpa as laterais da taça, para que a mistura fique uniforme. 
  7. Acrescenta a ricotta, reduzindo a potência para a velocidade média-baixa. 
  8. Reduz a potência para o mínimo e adiciona metade da farinha e de seguida o buttermilk.
  9. Acrescenta a restante farinha e envolve até ficar uma mistura homogénea. Sem mexer demasiado.
  10. Divide sobre as formas e leva ao forno por 30-35min ou até o palito vir sem vestígios de bolo. 
  11. Deixa repousar 10-15min na forma e só depois é que transferes para uma base de arames até arrefecer por completo.
  12. Com o bolo ainda morno, pincela com um pouco da calda de tomilho. 

Para a calda de Tomilho:

  • 60ml água
  • 2 c. sopa de sumo de limão
  • 100g de açúcar
  • 5  ramas de tomilho fresco

Adiciona todos os ingredientes à excepção do tomilho num tacho pequeno e leva ao lume médio. Assim que começar a ferver reduz para o mínimo e acrescenta o tomilho. Deixa fervilhar por 10min. Remove do lume, deixa arrefecer um pouco e só depois é que retiras o tomilho.

Buttercream de Framboesa:

  • 3 claras, a temperatura ambiente
  • 150g de açúcar
  • 235g de manteiga (pode ser com sal), amolecida
  • 1 c. sobremesa de extracto de baunilha
  • 2-3 c. sobremesa de compota de framboesa

Processo  igual à receita deste  buttercream, só na altura de adicionares a baunilha acrescentas também a compota de framboesa. É normal que pareça coalhado, mas continua a bater até ficar um creme bem macio. Vai sobrar um pouco por isso podes armazenar no frio, numa caixa fechada, até 2 semanas. Antes de o usares novamente, só tens que deixar que fique a temperatura ambiente e  bater novamente até voltar a ficar bem macio.

Decoração e Montagem:

  1. Retira os topos dos bolos e divide cada um em duas partes iguais, ficando com quatro camadas.
  2. Espalha, cerca de uma colher de sopa do buttercream em cada camada, uniformemente. Adiciona algumas framboesas, cortadas ao meio.
  3. Repete o mesmo processo até ficares sem bolo.
  4. Barra uma camada fina de buttercream a toda a volta e topo do bolo.
  5. Leva ao frio por 15min para que fique mais firme.
  6. Antes de servir, retira o bolo do frio uns 1o min e decora com as framboesas e tomilho.

Espero que gostes!

RASPBERRY THYME CAKE

(inspired on The Cake Blog)

For the Lemon Ricotta Cake:

  • 170g  butter, softened
  • 300g granulated sugar
  • 3 eggs
  • 1 tablespoon lemon zest
  • 1 teaspoon vanilla extract
  • 165g ricotta cheese
  • 125ml buttermilk
  • 300g a flour
  • 2 teaspoons baking powder
  • 1/2 teaspoon baking soda
  • 1/2 teaspoon salt
  1. Preheat oven to 170ºC degrees. Grease and flour two 14cm cake pans and set aside.
  2. Sift together the flour, baking powder, baking soda and salt.  Set aside.
  3. In the bowl of an electric mixer fitted with a paddle attachment, beat the butter until smooth.
  4. Add in the sugar and lemon zest. Beat on medium for 3 to 5 minutes until light and fluffy.
  5. Add in the eggs, one at a time, followed by the vanilla.
  6. Stop mixer and scrape down the sides and bottom of the bowl.
  7. Mix in the ricotta on medium-low.
  8. With the mixer on low, add in half of the flour mixture. Stream in the buttermilk.
  9. Add in the remaining flour mixture and mix until just combined.
  10. Evenly distribute the batter between the prepared cake pans.Bake for 30-35 minutes, or until a toothpick inserted in the center of the cakes comes out clean.
  11. Let cool on a wire rack for 10 to 15 minutes before removing the cakes from their pans.
  12. With the cake still warm, brush with the thyme syrup.

For the Thyme Syrup:

  • 60ml water
  • 2 tablespoons fresh lemon juice
  • 100g cup sugar
  • 5  springs fresh thyme

Place the water, lemon juice, and sugar in a saucepan over high heat.  Bring to a boil, then reduce to low.  Add the thyme and simmer for 8 to 10 minutes.  Remove from the heat.  Let cool, then strain out the thyme from the syrup.

For the Raspberry Buttercream:

  • 3 egg whites, room temperature
  • 150g sugar
  • 235g butter, softened
  • 1 tsp vanilla extract
  • 2-3 tsp raspberry jam

The same process as the same as this buttercream, but when you add the vanilla add also the Raspberry jam.  In case the buttercream starts to curdle, continue mixing until it become homogeneous. If it’s too liquid, put it in the fridge so the butter solidifies a little, then mix it again until it’s soft. Store the left buttercream  in the refrigerator  in a clean, airtight container for as long as 2 weeks.

Garnishing and Assembling:

  1. If cakes are rounded on top, even out with a knife, and divide which cake in 2 equal layers.
  2. Brush each layer with a little of thyme syrup. Spread the buttercream over each layer, about 1 tbsp of buttercream. Add the fresh raspberries, cut in half.
  3. Repeat the same process for the 4 cake layers. 
  4. Spread a thin layer of buttercream, around and on top.
  5. Take the cake to the fridge just to set, for about 15min.
  6. When serving remove it from the fridge 10min before, garnish with the raspberries on the top and the fresh thyme.

Enjoy!